São Paulo recebeu lançamento de livro sobre Jorge Zalszupin,segunda-feira, 2 de junho,na livraria Cultura no shopping Iguatemi em SP

Escrito por Maria Cecília Loschiavo dos Santos e prefaciado pelo crítico e diplomata André Correa do Lago, este é o primeiro título sobre a obra do fundador da L’Atelier. Em paralelo, será lançada uma autobiografia de Zalszupin.

 

O lançamento acontece em São Paulo em 02/06 e no Rio de Janeiro em 04/06. Em agosto, com datas a definir, haverá lançamento também em Brasília, Belo Horizonte e Goiânia.

 

O móvel moderno

 

O móvel brasileiro moderno, produzido especialmente nos anos 1950 e 60, é saudado no mundo todo por sua apropriação elegante de elementos de nossa cultura, como a mandeira de lei, a palhinha, as formas curvas. Um de seus criadores mais produtivos foi o polonês naturalizado Jorge Zalszupin, que ganha agora o livro Jorge Zalszupin: design moderno no Brasil sobre sua trajetória.

 

À frente da L’Atelier, fundada por ele para atender à demanda de seus projetos de arquitetura, o designer projetou verdadeiras joias de jacarandá, trabalhou no limite dos materiais, introduziu novas tecnologias no mercado brasileiro.

 

“(…) é impressionante ver quantos móveis Jorge Zalszupin conseguiu produzir. Alguns influenciados por Charles Eames (poltrona Paulistana) ou Pierre Paulin (poltrona Ondine), e outros, como a linha Capri e a banqueta Drink, exercícios mais pessoais de excepcional elegância e equilíbrio. Este livro confirma a riqueza da nossa criação e coloca Jorge Zalszupin, já consideravelmente conhecido e respeitado, numa posição ainda mais relevante na história do móvel e do desenho industrial”, escreve o crítico e diplomata André Correa do Lago no prefácio.

 

Do jacarandá ao plástico

 

Ilustrado com cerca de 300 imagens, entre reproduções de catálogos, anúncios de época e fotos atuais, o livro escrito por Maria Cecília Loschiavo dos Santos, professora titular de design da FAU/USP e uma das grandes especialistas do assunto, reúne textos que contextualizam a produção do designer e contam a história da L’Atelier, pioneira na produção industrializada do móvel moderno brasileiro, nos anos 1960, e também no uso intensivo de design em produtos de plástico nos anos 1970.

 

Há ainda verbetes ilustrados sobre 34 linhas de móveis do designer e, por fim, um capítulo sobre a reedição da obra de Zalszupin e sua inserção nas formas de produção e nos ambientes contemporâneos. O livro é concluído com um contraponto afetivo: um ensaio fotográfico na casa do designer, ainda vivo aos 94 anos.

 

Primeira obra produzida exclusivamente sobre o trabalho de Jorge Zalszupin, o título terá contribuição relevante para os estudos e conhecimento geral sobre o design moderno brasileiro, tema ainda carente de bibliografia. Com organização de Lissa Carmona Tozzi, proprietária da Etel, empresa responsável pela reedição dos móveis de Zalszupin, a viabilidade do novo título se deve a uma ação entre a própria marca, seus representantes em outras capitais brasileiras e também colecionadores e marshands ligados à obra de Zalszupin.

 

“Esse livro era uma grande lacuna, que agora estamos preenchendo a partir de um grande esforço coletivo. Além de fazer justiça à relevância da produção de Jorge Zalszupin, o livro retoma informações que estavam adormecidas, investiga aspectos pouco ou nunca abordados da obra dele, será certamente uma contribuição singificativa para o estudo e a história do móvel brasileiro”, considera a organizadora, Lissa Carmona Tozzi

 

Autobiografia

 

Com a produção do livro de arte, foi localizado o original de uma autobiografia de Zalszupin, escrita a mais de 10 anos, e que agora chega também ao público. Pelo título do pequeno volume (De * pra lua), já se pode perceber o tom do relato e muito da personalidade descontraída do designer, sempre pronto a tratar com humor cada episódio. Sem grandes dramatizações, o autor divide a narrativa em milagres (ou golpes de sorte) que viveu ao longo da vida. Conta sobre a infância em Varsóvia, a fuga da Polônia sitiada pelos nazistas, aos 17 anos, a vida na Romênia durante a guerra, a passagem pela França, a chegada ao Brasil e a construção da vida profissional e familiar em São Paulo.

 

Extrato do texto assinado por Maria Cecília Loschiavo dos Santos

 

“A dinâmica do percurso de Jorge Zalszupin no design se iniciou na década de 1950, no âmbito da tradição artesanal da técnica e do trabalho em madeira, nos padrões do gosto e das encomendas de clientes. Nesse período juntou o poder do artesão com o do designer e criou a L’Atelier.

 

A produção se transformou e a empresa realizou com determinação a experiência de industrialização do móvel no Brasil. Jorge Zalszupin acreditou na possibilidade de produzir em série e criar linhas de produtos. Foi um momento de inflexão, que favoreceu a implantação e a consolidação do design moderno.

 

Essa visão transformadora implicou na contratação de designers e arquitetos para desenvolver projetos de produto. Jorge Zalszupin criou um mercado de varejo para o design, expandindo gradativamente o alcance do caráter modernista da mobília. Anos depois, dedicou-se ao móvel de escritório, realizou uma breve experiência de produção de mobiliário escolar e também de experimentação com outros materiais. Suas criações vão do jacarandá aos plásticos.”

 

Sobre a autora

 

Maria Cecília Loschiavo dos Santos é filósofa e professora titular de Design na Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da Universidade de São Paulo. É autora de diversos livros, entre eles Móvel Moderno no Brasil, primeiro lugar no Prêmio de Design do Museu da Casa Brasileira. Foi pesquisadora visitante em diversos programas de pós-doutorado em instituições como a Universidade de Califórnia, Los Angeles, Universidade Nihon, Toquio, e Centro Canadense de Arquitetura, Montreal.

 

Apoiadores

Arquivo Contemporâneo / Artemobília / AZ Décor / Capitânia / Etel Jayme Vargas / Passado Composto Século XX / São Romão / Lojas Teo

 

Serviço:

Dia: 02/06

Horário: a partir das 18h30

Local: Livraria Cultura – Shopping Iguatemi

Endereço: Av. Brigadeiro Faria Lima, 2232 – São Paulo – SP

 

Jorge Zalszupin: design moderno no Brasil

Editora Olhares

ISBN: 978-85-62114-32-8

Preço de capa: R$ 140

Número de páginas: 240

Formato: 21,5×25,5cm / capa dura

Texto bilíngue (português / inglês)

 

De * pra lua (autobiografia)

Editora Olhares

ISBN:

Preço de capa: R$ 35

Número de páginas: 100

Formato: 15x21cm / brochura

!cid_image002_jpg@01CF7B31 !cid_image003_jpg@01CF7B31 ANNETTE SALSZUPIN,PATRICK DE GOUTTES E LUIZ CARLOS PRADO CAROL GAY ETEL CARMONA E MAYTHE BIRMANN ETEL CARMONA E ROBERTO MIGOTTO4 GABRIELA PROFILI DORA E MARIO CAPOTE VALENTE JORGE SALSZUPIN8 LISSA CARMONA E FERNANDA FEITOSA3 LISSA CARMONA MATHEUS E LUCIANO HANG VERONICA SALSZUPIN,LIS VILLELA E RENATA SHERMAN WALDICK JATOBÁ

fotos : Paulo Giandália / divulgação BNPRESS MEDIA SP

~ por EVANDRO NICHETTI em junho 3, 2014.

 
%d blogueiros gostam disto: